Filiação

COMO SE FILIAR À PFI-PORTUGAL

A filiação é permitida a qualquer pessoa a partir dos 18 anos, que se considere sinceramente pagã e que concorde com os três princípios que norteiam a Federação Pagã:

  • Amor para e afinidade com a Natureza. Reverência para com a força vital e seus ciclos de vida e morte em eterna renovação.
  • Uma moralidade positiva, segundo a qual o indivíduo é responsável pela descoberta e evolução de sua verdadeira natureza, em harmonia com o mundo externo e a comunidade. Tal é muitas vezes expresso como: “Faz o que tu queres, contanto que não prejudiques ninguém”.
  • Reconhecimento do Divino, o qual transcende género, com aceitação tanto do aspeto feminino quanto do aspeto masculino da Divindade.

Nota: A Federação Pagã reserva-se no direito de recusar um pedido de admissão a Membro efectivo.

A quota anual é de 15 Euros. Os Pagãos que tenham interesse em fazer parte da PFI – Portugal, deverão escrever um e-mail para [email protected], referindo as suas experiências e interesses no Paganismo, comentando como descobriram a sua condição de pagãos, livros lidos e que vertente do Paganismo mais lhes interessa ou praticam. Saliente-se que Pagãos pouco experientes ou já praticantes serão recebidos da mesma forma. Após a receção do e-mail, será agendada uma reunião presencial, para esclarecimento de dúvidas e onde a inscrição poderá ser finalizada, caso aceite, através do preenchimento de ficha de inscrição e pagamento da anuidade. Também aceitamos inscrições por correio.

Ser filiado na PFI-Portugal permite o acesso a um Paganismo dinâmico e sério. Potencializamos um convívio saudável entre os nossos filiados, seja via web, seja através dos eventos que realizamos durante o ano e, para além de palestras e algumas celebrações, também promovemos eventos abertos aos amigos e familiares dos nossos membros, interessados em Paganismo, apresentando anualmente um programa variado. Os filiados na PFI-Portugal auferem trimestralmente o nosso Boletim Informativo, e ainda de descontos em workshops dadas por pessoas credenciadas (como, por exemplo, Marian Green, Janet Farrar, Lilith da Lusitânia, HP Thorg, entre outros).

Salientamos que a PFI – Portugal não dá o contacto ou informação de Grupos, Covens ou outros contactos pessoais a desconhecidos, pois somente aos próprios pertence a decisão de eventualmente aceitar e posteriormente iniciar novos elementos. No entanto, o facto de se ser filiado na PFI – Portugal já permite o contacto entre pagãos portugueses.

Para informações atualizadas sobre eventos abertos a não membros, poderá consultar a nossa página no Facebook (através de http://www.facebook.com/pfi.portugal ou procurando PFI – Associação Cultural Pagã). Para informações mais detalhadas sobre a PFI-Portugal e o nosso trabalho, poderá consultar: